Deixe um comentário

Rali Municípios de Santa Cruz e Machico: Miguel Nunes e João Paulo vencem pela 1ª vez

041

Miguel Nunes regressou ás vitorias no Campeonato de Ralis Coral, marcando o ritmo da prova ao longo das especiais de classificação deste sábado. A dupla da Tomiauto, conquistou cinco vitorias nas oito especiais de classificação, perdendo para João Silva com melhores registos a abrir e fechar a edição de 2013 do Rali Santa Cruz / Machico, curiosamente nas classificativas espectáculo realizadas na Camacha e Machico.

Miguel Nunes concluiu com uma vantagem de 20.8s para o segundo classificado Filipe Freitas e Daniel Figueiroa em Mitsubishi lancer EVO X, mais rápidos na segunda abordagem a Gaula. Com esta classificação Filipe Freitas lidera isolado o campeonato de ralis Coral. João Magalhães / Jorge Pereira em viatura idêntica, o melhor que conseguiu foi um segundo lugar e na derradeira secção na segunda passagem por Gaula. João Silva e Pedro Calado prineiros classificados nas duas rodas motrizes nada puderam fazer contra num traçado em que não lhes foi favorável  com uma maior percentagem em subidas nas especiais de classificação, concluindo na 4ª posição, mantendo-se em termos absolutos  nos lugares da frente.

André Silva e Jorge Gonçalves em Citroen C2, mais uma prestação irrepreensível, voltaram a estar em destaque naquele que é sem duvida o melhor campeonato realizado por esta dupla e nesta prova a fechar o top five.

Francisco Tavares / Luis Neves em Toyota Corolla AE86, concluíu na 6ª posição, beneficiando da desistência de Rui Conceição na primeira classificativa da ultima secção, realizada em Gaula, com problemas de turbo no Ford Escort, rodando mais rápido que Ana Sofia Correia em Citroen C2, 7ª classificada, ainda com restícios do ocorrido na prova realizada na zona Oeste da Ilha, o Rvbali da Calheta. Bem mais adaptado ao Opel Ascona 400 está Gil Freitas que concluíu no oitavo lugar, com Bruno Fernandes a entrar no top ten, terminando em 9º lugar,.

Referência especial para o jovem Pedro Diogo em Toyota Yaris, integrando o troféu Globalfisco, num regresso que todos saudamos pois trata-se de uma mais valia para o campeonato de ralis e naturalmente para o troféu, do qual acabou por vencer com uma vantagem de 22s para Ricardo Gonçalves 11º classificado e 2º do troféu com Marco Nóbrega a fechar os lugares de podio do troféu.

Seguiram-se Gonçalo Freitas, Pedro Macedo ambos tripulando viaturas da marca japonesa. O 16º posto foi entregue a Gabriel Fernandes / Valter Serrão em peugeot 205 GTi,  com o regressado Cristiano Teixeira/Ivo Almada no 17º posto.

Vitor neves em Toyota Yaris foi penúltimo classificado com Ricardo Rodrigues a “morrer na praia” com problemas na ultima classificativa a fechar o lote dos sobreviventes.

Texto: Motores Magazine

Foto: Jorge Freitas

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s